Clockwork Comunicação

Twitter

O que é o clipping?

blog Pausa Dramática

Novos recursos do Orkut imitam concorrentes para manter utilidade e popularidade do site

11 de jun de 2010

11-06-10

A partir desta quinta-feira (10), os usuários do Orkut tiveram acesso a um pacote de novidades: eles poderão enviar scraps (recados) privados, comentar recados de outras pessoas e terão mais recursos de privacidade na janela de configurações. O usuário poderá limitar, além do acesso às fotos, a visualização de scraps e vídeos. As implementações, na linha do que já existe no Twitter e Facebook, foram anunciadas pela filial brasileira do Google nesta quarta-feira (9).


O recurso de scrap privado, pela descrição, lembra muito as mensagens diretas (DM ou direct message) do Twitter, e a possibilidade de comentar mensagens de outros usuários se assemelha ao Facebook. Apesar disso, a empresa não confirma ter implementado as novidades com base no que a concorrência já oferece.

“Os participantes do Orkut estão há mais tempo usando a rede social. Temos um usuário mais avançado em comparação ao de outros países”, afirmou Vitor Ribeiro, diretor de produtos do Google para a América Latina, rebatendo o questionamento sobre uma possível “inspiração” nos concorrentes.

As novidades, de acordo com o diretor de produtos do Google, foram baseadas em testes de usabilidade e na demanda de usuários. A questão do scrap privado fará com que um internauta, por exemplo, não precise mandar um depoimento (testimonial) para outra pessoa, quando não quiser que outros vejam o conteúdo.

O recurso que fará com outros usuários façam comentários sobre scraps também permitirá que outras pessoas sejam incluídas na conversa, criando, segundo a empresa, “um novo jeito de interagir dentro da rede social”. Todos os usuários inseridos na conversa receberão todas as mensagens em seu perfil.

O recurso que controla a visualização de “adesão” a uma comunidade ainda está em pauta. Isso faria, por exemplo, com que apenas amigos selecionados de um usuário soubessem que ele entrou em uma comunidade sobre pornografia. No entanto, será possível escolher outros tipos de informação – como scraps, vídeos e fotos -- visíveis a determinados grupos.
 
do Jornale

0 comentários:

Postar um comentário

 

2009 ·Clockwork News by TNB