Clockwork Comunicação

Twitter

O que é o clipping?

blog Pausa Dramática

Filme rodado em Curitiba enfocará realções dentro do Interbairros 2

11 de mai de 2010

11-05-10
Joyce Carvalho

O que pode representar uma simples viagem de ônibus? Quem está ao seu lado? O que essa pessoa pode mudar na sua vida? Questionamentos como estes podem não fazer parte do nosso cotidiano, mas estas cenas se repetem com todos.


O filme Circular traz justamente este universo ao contar o encontro entre os desconhecidos Cristina (Letícia Sabatella), Carlos (Cesar Troncoso), Lourival (Santos Chagas), Samuel (Marcel Szymanski), Cabeça (Luiz Bertazzo), Vina (Bruno Ranzani), Débora (Débora Vecchi) e Dentinho (Gustavo Pinheiro).

Letícia Sabatella esteve presente na coletiva de imprensa de apresentação do filme Circular.

Um assalto no ônibus onde estão muda a vida de todos. A história é levada ao público em perspectivas diferentes, sob ponto de vista de cada um dos envolvidos.

O longa passou pela fase de pré-produção e as gravações acontecerão em Curitiba, a partir do dia 18 de maio. A equipe toda trabalhará nas ruas curitibanas e em locações na Região Metropolitana até 23 de junho.

A direção ficará a cargo de cinco jovens diretores, que se conheceram na escola de cinema, também na capital paranaense. Adriano Esturilho, Aly Muritiba, Bruno de Oliveira, Diego Florentino e Fábio Allon também assinam o roteiro do filme. Circular foi um dos projetos contemplados pelo edital de longa-metragem de baixo custo do Ministério da Cultura.

Curitiba será o pano de fundo de uma história que poderia acontecer em qualquer cidade da América Latina, segundo Diego Florentino, um dos diretores. Os cinco quiseram um roteiro universal. Mas há uma ligação muito forte com a cidade.

Os jovens se conheceram, formaram uma amizade e se lançam para a carreira em Curitiba. “Fizemos questão de gravar aqui, de fazer tudo aqui e nos arredores da cidade. Cerca de 90% da equipe técnica também é daqui”, afirma Aly Muritiba, outro diretor de Circular.

Parte das cenas será feita na Praça Tiradentes e em outros locais do centro da capital paranaense. Também haverá locações em Pinhais e Piraquara. As cenas dentro do ônibus ocorrerão em um veículo que faz a linha Interbairros II.

Uma das particularidades deste filme é a direção compartilhada entre cinco pessoas. Todos estão trabalhando juntos, mas cada núcleo do filme será dirigido por um único diretor.

“Ao longo de três anos nós exercemos funções nos curtas de cada um. Em um destes trabalhos pensamos em juntar forças e dar um passo além. Bolamos este formato em que os cinco pudessem estar juntos. Cada um desenvolveu um núcleo e depois discutimos cada história e o cruzamento dos personagens”, relata Allon. “Tudo o que será executado foi planejado por todos”, destaca Florentino. Para Esturilho, se tornou desafio colocar o olhar de cada um no filme, mas sem virar um Frankestein.

Os personagens principais do filme possuem uma dualidade. Samuel, por exemplo, vai interpretar um policial que também é evangélico. Cristina é uma artista plástica viciada em remédios e que está grávida.

Letícia Sabatella, que interpreta esta personagem, aceitou o convite para trabalhar com os diretores jovens e acredita que Circular seja o primeiro passo de um grupo talentoso.

“Esta relação de amizade entre eles já é um conforto para quem chega”, analisa. Ela conta que há tempos estava com vontade de realizar algum projeto em Curitiba e Circular veio de encontro a isto.

Mais informações sobre o longa em http://www.circularofilme.com/ e twitter.com/circularofilme.
 
Do Paraná Online

1 comentários:

rafa disse...

muito bom sucesso a toda produção deste maravilhoso filme ja estou gostando muito abraços... Rafael Augusto Horylka Szabunka

23 de maio de 2010 21:36

Postar um comentário

 

2009 ·Clockwork News by TNB